Os 3 erros mais comuns no uso das cintas no pós-operatório

A CINTA E OS ACESSÓRIOS TEM UM PAPEL IMPORTANTÍSSIMO NO PÓS-OPERATÓRIO


1- Modelo errado – O ideal é que você peça orientação ao profissional. Cintas de colã comprimem de forma exagerada os linfonodos da virilha e prejudicam a absorção do edema. Se você fez uma lipoaspiração mais alta, naquela gordurinha da alça do sutiã o ideal e que sua cinta ultrapasse e comprima completamente essa região. O MODELO errado prejudica seu resultado.


2- Alca muito apertada - As alças apertadas podem fazer você tensionar a musculatura cervical fazendo você tensionar essa região e ter cefaleia. Pacientes longilíneas que costumam


3- Dobras das cintas - Principalmente quando se senta a cinta dobra na linha da cintura e forma um garrote. Essa dobra em um tecido em cicatrização numa pele edemaciada e inflamada acaba marcando e pode também gerar consequências irreversíveis. O uso de acessórios ( talas e espumas de alta densidade) e muito indicado para essas situações. Pra que principalmente quando você se sente não aconteça essa situação da cinta dobrar principalmente na cintura e que e muito difícil de tirar.

A cinta não pode dobrar





* Consulte seu médico ou o profissional responsável pelo seu pós-operatório.

51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo